A escada para o Paraíso de SANTA ROSA DE LIMA


"sem a cruz não há caminho que leve ao céu.

1. depois da tribulação se seguirá a graça;
2. sem o peso das aflições não se pode chegar ao cimo da graça;
3. a medida dos carismas aumenta em proporção da intensificação dos trabalhos;
4. Acautelem-se os homens contra o erro e o engano.

É esta a única verdadeira escada do paraíso.

Não podemos obter a graça, se não sofrermos aflições; cumpre acumular trabalhos sobre trabalhos, para alcançar a íntima participação da natureza divina, a glória dos filhos de Deus e a perfeita felicidade da alma."

Ao mesmo tempo e com a mesma intensidade com que fala de aflições, trabalhos e sofrimentos, Santa Rosa fala da beleza da graça divina. Pois que as aflições, os trabalhos e os sofrimentos são condições vitais para se alcançar tal benefício. E mais: se descobríssemos o valor da graça, não fugiríamos, mas, ao contrário, nos empenharíamos para encontrar penas e aflições.

Na vida dos santos é que encontramos o reflexo das bem-aventuranças do evangelho: "Bem-aventurados os que sofrem...".

http://www.liturgiadashoras.org/oficiodasleituras/santarosa.html

font:http://www.oratio.blogspot.com/

You Might Also Like

0 comentários

Mapa De Visitante